quinta-feira, 2 de abril de 2009

Outono.

O outono já começou há um certo tempo, mas hoje é que ele deu as caras. Fui dar a minha caminhada, e bateu, bem de leve, uma certa melancolia boa... O céu cinzento, aquele "cheiro" de ar frio batendo nas narinas...

Não sei se é porque me lembra Curitiba, ou se porque é uma mudança, ou porque o verão (que é uma estação que me faz mal, ainda mais nessas paragens) está findando. Nessas horas sempre lembro de Drummond:

"Reparara que o outono é mais estação da alma do que da natureza".

4 comentários:

Cibele disse...

Eu sempre gostei do outono pelo simples e infantil fato de ser o mês do meu aniversário, embora prefira o verão...

mas após um verão mais constantemente ao seu lado que todos os outros, e o primeiro de inúmeros, acabo por preferir o outono que possibilita noites mais frescas para se dormir aconchegadamente...

o Cheff disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
o Cheff disse...

ué véio, duas postagens seguidas falando de Curita?
Dizem que quando o cara começa a refletir sobre a vida, sempre volta ao passado para reencontrar algum fio que ficou solto pelo caminho.
Um abração meu camarada.

ps: Valeu pelo comentário la no
http://www.degustandomemorias.blogspot.com/

Maikon K disse...

cara, tu não faz idéia como o alberto anda cobrando e exigindo a leitura do "brogue" dele.
exige até comentário, isso ele nunca FEZ NO MEU!!!!!!!!!!!!!!!!!
maldito Chef, nunca mais vou picar alho e nem cebola.